Domingos Lourenço: “Cerremos fileiras em torno do nosso querido Presidente”

O entrevistado é o novo primeiro-secretário do Comité Distrital do Kilamba-Kiaxi (Luanda) do MPLA, eleito a nove de Abril de 2016, durante a 1ª Conferência Ordinária de Balanço e Renovação de Mandatos dessa estrutura partidária, para um mandato de cinco anos.

 

Luanda,  05 MAIO 16 (5ª FEIRA) – O novo primeiro-secretário do Comité Distrital do Kilamba-Kiaxi (Luanda) do MPLA é o camarada Domingos João Lourenço “Mingo”, na foto, eleito a nove de Abril de 2016, na 1ª Conferência Ordinária de Balanço e Renovação de Mandatos do Partido, para um mandato de cinco anos.

Eis a entrevista:

Nome?

Chamo-me Domingos João Lourenço “Mingo”.

Idade?

Tenho 41 anos de idade.

Tempo de militância no MPLA?

Milito no MPLA há 33 anos, tendo iniciado, com oito anos de idade, na Organização de Pioneiros Angolanos (OPA), hoje Organização de Pioneiros Agostinho Neto.

Habilitações académicas e/ou profissionais?

Sou licenciado em Psicologia, pelo Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED), em Luanda.

Linhas de força para o seu actual mandato?

Tenho como linhas de força do meu actual mandato, de cinco anos, o reforço do diálogo com os jovens e a sua formação em cursos técnico-profissionais, como os de serralharia, alvenaria, construção civil, entre outros, com o apoio do Ministério da Administração Pública, Trabalho e Segurança Social (MAPTSS), para tirá-los das condutas desviantes. São, ainda, linhas de força, o diálogo com as comunidades, principalmente para a resolução de problemas que as afecta, como o saneamento básico, o fornecimento de água potável e energia eléctrica, bem como o acesso à saúde e educação.

Comité de Acção do Partido (CAP) em que milita actualmente?

Milito no CAP nº 08, do distrito urbano do Rangel, no município de Luanda, província com o mesmo nome, onde sou o primeiro-secretário.

Perspectivas que vê para Angola, volvidos 14 anos desde a conquista da paz definitiva?

Volvidos 14 anos de paz,  Angola superou as expectativas do seu povo e dos povos de outros países, no que concerne ao seu desenvolvimento multifacetado, pelo que deve ser reconhecido com humildade.

Mensagem aos militantes, simpatizantes e amigos do MPLA e ao povo angolano, em geral.

Apelo a todos para que cerremos fileiras em torno do MPLA e do nosso querido Presidente, o Camarada José Eduardo dos Santos, porque Angola está no caminho certo.

PortalMPLA/RF/AB

Comentários

não há comentários.

Fazer um comentário