CHINA: MPLA em seminário de alto nível sobre futuro compartilhado

A delegação é chefiada pelo 2.º secretário do CPP de Luanda, camarada Mário Pinto de Andrade, na foto.

 

Beijing, 01 DEZEMBRO 17 (6ª FEIRA) - O MPLA está a participar em Beijing, capital da República Popular da China, num seminário de alto nível sobre a missão e o papel dos partidos políticos na construção de uma comunidade China/África de futuro compartilhado.

O Partido faz-se representar no evento com uma delegação chefiada pelo segundo-secretário do Comité Provincial de Luanda, camarada Mário Pinto de Andrade, na foto, que integra os chefes de Divisão dos departamentos de Administração e Finanças e dos Antigos Combatentes e Veteranos da Pátria do Comité Central, respectivamente, Lopes Miguel e Conceição Chaves.

A decorrer desde quinta-feira (30.11), até ao próximo domingo (03), o seminário, em que participam, também, representantes de outros 20 países africanos, os delegados estão a tomar contacto com o novo pensamento e estratégias de desenvolvimento da China, decididos no recém-terminado 19.º Congresso Nacional dos comunistas chineses, incluindo o conceito de construir uma comunidade de futuro compartilhado para a humanidade.

A mensagem do MPLA, apresentada pelo camarada Mário Pinto de Andrade,  reconheceu o papel do Partido Comunista Chinês no desenvolvimento dos países africanos, em geral e de Angola, em particular e reiterou que o Partido vai continuar a manter relações estreitas com os comunistas chineses e juntar esforços para construir uma comunidade China/África compartilhada.

Os diferentes partidos políticos africanos defenderam que, no processo de exploração dos caminhos para a modernização, a China e a África devem aprofundar, ainda mais, a comunicação de ideias, aproveitar as forças de uns e de outros e promover continuamente o desenvolvimento dos respectivos empreendimentos.

PortalMPLA/EMB/AB

Veja todas as notícias