Comité Central do MPLA inicia 9ª Sessão Ordinária

O Camarada Presidente José Eduardo dos Santos abriu, a meio da manhã desta sexta-feira (24) os trabalhos, que decorrem no Complexo Turístico Futungo 2, em Luanda.

 

Luanda, 24 ABRIL (6ª FEIRA) – O Presidente do MPLA, Camarada José Eduardo dos Santos, abriu, na manhã desta sexta-feira (24), no Complexo Turístico Futungo 2, em Luanda, a 9ª Sessão Ordinária do Comité Central do Partido, em que participam 257, dos 311 membros seus.

No seu discurso inaugural, o Camarada Presidente anunciou que, durante o processo de revitalização das estruturas de base do MPLA, que está em fase de conclusão, foi corrigido o número total dos seus membros, que agora atinge a cifra de cerca de quatro milhões e 500 mil militantes, organizados em mais de 74 mil e 500 Comités de Acção do Partido (CAP).

Ainda no seu discurso, realçou que o MPLA entrou “num período de grande reflexão, para avaliarmos bem o trabalho que fizemos, isto é, as nossas falhas, as nossas omissões, os nossos êxitos e quais as perspectivas a traçar, para orientar a nossa actividade no futuro, quer no domínio da vida interna do Partido, quer no Estado e na sociedade”.

Nessa esteira, o Presidente José Eduardo dos Santos orientou que “devemos atribuir esta tarefa aos mais aptos, para que possam criar – “criar, criar, criar com os olhos secos”, como disse Agostinho Neto – para que nos possam apresentar os documentos de base, para todos discutirem democraticamente e enriquecerem o seu conteúdo”.

Na Agenda de Trabalhos desta sessão constam cinco pontos, pelo os que membros do Comité Central vão apreciar o Relatório de Balanço da Comissão Nacional Preparatória do 5º Congresso Extraordinário do MPLA e o Projecto de Bases Gerais para a Preparação e Organização do 7º Congresso Ordinário do Partido.

Igualmente, a sessão vai debruçar-se sobre dois projectos, sendo um de Cronograma de Acções Relativas ao 7º Congresso Ordinário do MPLA, agora em preparação e outro de Resolução sobre as Assembleias de Balanço e Renovação de Mandatos nos Comités de Acção do Partido, no ano de 2015.

Finalmente, os participantes receberão uma informação sobre a Directiva Relativa à Vinculação dos Membros dos Comités, dos Deputados e dos Membros do Executivo às Circunscrições Territoriais, Sectoriais e Institucionais.

O Comité Central é o órgão deliberativo máximo do MPLA, que estabelece a linha de orientação política do Partido, no quadro das decisões dos congressos.

Reúne-se, em sessões ordinárias, duas vezes por ano e, extraordinariamente, sempre que convocado pelo Presidente do Partido, ou pelo seu Bureau Político.

PortalMPLA/AB

Foto: João Luís

 

Veja todas as notícias