COMUNICADO DE FALECIMENTO DO CAMARADA BERNARDO ARMANDO DA SILVA, MEMBRO DO COMITÉ 4 DE FEVEREIRO

MPLA

SECRETARIADO DO BUREAU POLÍTICO

COMUNICADO DE FALECIMENTO DO CAMARADA BERNARDO ARMANDO DA SILVA, MEMBRO DO COMITÉ 4 DE FEVEREIRO

Foi com profundo sentimento de tristeza que o Secretariado do Bureau Político do Comité Central do MPLA tomou conhecimento do falecimento do Camarada Bernardo Armando da Silva, ocorrido na Quinta-feira, 6 de Fevereiro de 2020, em Luanda, vítima de doença, aos 79 anos de idade.

Bernardo Armando da Silva, Tenente-General na reforma, integrou o grupo de destemidos nacionalistas que iniciou as acções armadas em prol da Luta Armada de Libertação Nacional, no âmbito da gesta heróica do 4 de Fevereiro de 1961.
Em 1985, por altura da realização do II Congresso do MPLA, o malogrado militante foi meritoriamente eleito Membro do Comité Central, facto que representou um reconhecimento à altura do seu patriótico envolvimento no processo de luta pela Independência Nacional.

Natural da província do Bengo, ao longo da sua vida o malogrado desempenhou várias funções, com realce para o de director Provincial dos Serviços Comunitários no Uige, bem como membro da direcção da Organização de Defesa Popular (ODP) que aglutinou os sobreviventes do 4 de Fevereiro.

O desaparecimento físico do Tenente General Bernardo Silva ocorre poucos dias depois da celebração do 59º. aniversário do início da Luta Armada de Libertação Nacional, para o qual o malogrado, em companhia de outros nacionalistas, desempenhou notável papel para que Angola hoje fosse uma Nação livre, Independente e Soberana.

Pelo infausto acontecimento, o Secretariado do Bureau Político do Comité Central do MPLA curva-se perante a memória do Camarada BERNARDO ARMANDO DA SILVA e expressa as mais sentidas condolências à família enlutada.

MPLA – MELHORAR O QUE ESTÁ BEM, CORRIGIR O QUE ESTÁ MAL

LUANDA, AOS 07 DE FEVEREIRO DE 2020.

Veja todas as notícias