CUANZA-NORTE: Setenta e dois militantes do PRS ingressam no MPLA

Os dissidentes, dos quais três altos dirigentes, disseram, sábado (11), na cidade de Ndalatando, que o MPLA “tem demonstrado capacidade para conduzir Angola”.

 

Ndalatando, 14 MARÇO 17 (3ª FEIRA) – Três altos dirigentes do PRS e mais 69 outros militantes seus anunciaram a sua saída definitiva deste partido de oposição e integraram-se, sábado (11), na cidade de Ndalatando, nas fileiras do MPLA.

Os três altos dirigentes são, designadamente, Domingos Kimbanda, membro do Conselho Político e do Comité Nacional, Daniel Afonso, membro do Comité Nacional, secretário provincial do Departamento de Economia e Finanças e 1.º secretário municipal de Lucala e Pedro Zua Cassumba, secretário municipal de Quiculungo.

O porta-voz dos dissidentes, Daniel Afonso (em 1.º plano, na foto), declarou, em Conferência de Imprensa: “Após vários anos de militância, não sentimos do PRS alguma vontade política séria, que contribua na resolução dos problemas do País, tão-pouco dos seus membros”.

“Por isso, decidimos, livre, consciente e irrevogavelmente, renunciar a nossa militância no PRS e juntarmo-nos, desta forma, ao Partido que tem demonstrado capacidade para conduzir Angola, lutando para mantê-la no rumo certo, sendo que este Partido é o MPLA” – asseverou.

PortalMPLA/AB

Fonte: Angop

 

Veja todas as notícias