CUANZA-SUL/CAMPANHA 2017: Porto-Amboim com Porto de águas profundas

O Governo do MPLA garante explorar ao máximo o potencial económico da província, disse hoje, terça-feira (15), no Sumbe, o Camarada João Lourenço.

Sumbe, 15 AGOSTO 2017 (TERÇA-FEIRA) - O candidato do MPLA a Presidente da República, Camarada João Lourenço, na foto, garantiu nesta terça-feira (15), no Sumbe, que o Governo vai, depois das Eleições Gerais, de 23 de Agosto, trabalhar na construção de um Porto de águas profundas no município pesqueiro de Porto-Amboim, na província do Cuanza-Sul.

João Lourenço, que discursava num comício popular na cidade do Sumbe, sublinhou que a construção desse Porto “vai permitir recepcionar navios de grande porte, contribuir o desenvolvimento económico e social mais rápido, para o nosso país”, bem como “incentivar o empresariado, nacional e estrangeiro, a explorar as margens férteis dos dois grandes rios que atravessam a província, para a prática da agro-pecuária”.

“Vamos explorar ao máximo o potencial económico da província do Cuanza-Sul, de modo a contribuir para o desenvolvimento do país”, disse o Camarada João Lourenço, acrescentou que “a província tem potencial como estradas, rios e clima, que podem ser explorados para o crescimento económico do país”.

O dirigente enalteceu o valor que têm as estradas nacionais que ligam a capital e o litoral, atravessando a província do Cuanza-Sul, como sendo outras das mais-valias que venham a garantir a facilidade para o transporte de matérias-primas e de outros bens produzidos, para os grandes centros de consumo e portos.

O candidato João Lourenço sublinhou igualmente que “é necessário incentivar o surgimento de indústrias transformadoras de pescado, com o envolvimento do Executivo e de empresários nacionais e estrangeiros”, garantido, deste modo, o emprego à juventude angolana.

PortalMPLA/MP

Veja todas as notícias