HUAMBO: CPP inicia divulgação da Agenda Política do MPLA de 2018

O 1.º secretário, camarada João Baptista Kussumua, lembrou, sábado (10), a elevada responsabilidade do Partido na sociedade angolana.

 PortalMPLA, 13 MARÇO 18 (3ª FEIRA) – O Comité Provincial do Huambo do MPLA iniciou, sábado (10), na capital planáltica, a divulgação da Agenda Política do Partido de 2018, o documento que descreve as acções que estão no topo das acções do ano corrente.

Dirigentes, quadros, responsáveis do Partido, da OMA e da JMPLA participaram no acto oficial, no qual o respectivo primeiro-secretário, camarada João Baptista Kussumua, sublinhou que o MPLA, pelo seu papel histórico e de sustentação ao Governo, tem a elevada responsabilidade de criar as condições para que sejam realizados os compromissos por si assumidos durante a última campanha eleitoral.

A Agenda Política do Partido para este ano contém 10 pontos essências e tem como lema “reforcemos o papel dirigente do MPLA, em apoio ao Executivo, na difícil tarefa de melhorar o que está bem e corrigir o que está mal”.

É já neste contexto que o Bureau Político do Partido fez um balanço exaustivo sobre o desempenho do MPLA nas Eleições Gerais de 23 de Agosto de 2017, donde extraiu as lições objectivas que vão permitir encetar a adopção de medidas correctivas adequadas, tendo em conta os próximos desafios político-eleitorais.

Segundo o comunicado saído, segunda-feira (12), da sua 2ª Reunião Ordinária, o Bureau Político concluiu que “o resultado favorável deveu-se à forte acção político-partidária empolgante, galvanizadora e determinante, desenvolvida pelo MPLA e pelo seu então candidato, Camarada João Lourenço, sob a liderança do Presidente do Partido, Camarada José Eduardo dos Santos”.

Nas Eleições Gerais de 23 de Agosto de 2017, o MPLA venceu com 61,08 por cento, dos seis milhões, 817 mil e 877 votos válidos, cabendo-lhe, por isso, 150 dos 220 assentos da Assembleia Nacional de Angola.  

/VC/AB

Veja todas as notícias