Luanda: OMA no Hospital dos Queimados no Dia da Criança Africana

O Comité Municipal da organização feminina do MPLA doou (16) lanches e outros bens às crianças aí internadas.

 

Luanda, 16 JUNHO 15 (3ª FEIRA) – Em alusão ao Dia da Criança Africana, dirigentes do Comité Municipal de Luanda da OMA, organização feminina do MPLA, visitaram, nesta terça-feira (16), o Hospital Especializado do Neves Bendinha, onde ofereceram, a 30 crianças aí internadas, lanches, brinquedos, medicamentos e material gastável.

Com efeito, a secretária municipal de Luanda, em exercício, da Organização da Mulher Angolana, camarada Maria Augusta Pascoal e comitiva visitaram as várias dependências do hospital e ouviu explicações sobre o seu funcionamento, principalmente da área dos queimados, onde o maior número de internados são crianças.

Durante a visita, guiada pela directora do hospital, Lídia Dembi, as camaradas foram informadas que a malária, as doenças diarreicas e respiratórias agudas são as mais frequentes entre as crianças atendidas no Banco de Medicina.

Por seu turno, Maria Augusta Pascoal realçou que a acção da OMA reveste-se de grande importância, pelo facto de aquelas crianças verem-se privadas das suas famílias, amigos e colegas de escola, num dia tão importante como este.

Pelo número de crianças internadas por queimaduras, a dirigente da organização feminina do MPLA apelou às mães para terem o maior cuidado para com os filhos, pois que as sequelas deixadas são muito profundas e, muitas das vezes, com consequências dramáticas.  

PortalMPLA/RF/AB

 

 

Veja todas as notícias