MPLA preocupado com o capital humano

Luanda - O Secretário-geral do MPLA, camarada Dino Matrosse, reconheceu (30-07) em Luanda, que vivemos numa conjuntura bastante dinâmica, em que o desenvolvimento dos processos políticos, económicos, sociais e culturais, requerem de nós uma permanente preparação.

 

Dino Matrosse, que falava na abertura da IV reunião metodológica do Departamento de Administração e Finanças (DAF) do Comité Central, apontou o capital humano como factor decisivo, no processo de transformação das organizações e das instituições.

 

Para o Secretário-geral do MPLA é importante a humanização das relações laborais e das metodologias de transmissão de conhecimento, por serem as ferramentas necessárias para o êxito das funções, relativas a gestão dos recursos do Partido.

 

Segundo o Camarada Dino Matrosse os quadros e colaboradores do departamento de administração e finanças, têm assumido um papel fundamental, no sistema de asseguramento geral da administração do Partido.

 

Administração e gestão financeira

 

Na opinião do Secretário-geral do MPLA, o gestor deve conhecer as etapas de elaboração do orçamento, para facilitar as decisões relativamente a implementação dos planos, bem como no alcance dos objectivos traçados.

 

“O gestor do Partido deve aprimorar os mecanismos legais, para fazer cumprir de forma eficaz a arrecadação de receitas, através da quotização dos militantes do MPLA”, sublinhou.

 

No domínio da administração e gestão do património

 

O Secretário-geral do MPLA revelou que é importante a consolidação e actualização periódica, da inventariação e legalização de uma grande parte do património do Partido.

 

Por isso, o Camarada Dino Matrosse entende que é importante melhorar os mecanismos de controlo e de suporte legal e de legalização do património móvel e imóvel do partido, bem como o seguro dos referidos bens.

 

A reunião foi orientada pela camarada Joana Lina, Secretária do Bureau Político para a Administração e Finanças e contou com a presença de dirigentes e responsáveis dos órgãos e organismos nacionais e intermédios do Partido, das suas organizações sociais e convidados e teve como objectivos, a capacitação dos quadros e colaboradores do sector no domínio da gestão administrativa, financeira e patrimonial do Partido.

 

No final, os presentes aprovaram uma moção de apoio ao Camarada Presidente José Eduardo dos Santos, pela forma dedicada e patriótica como tem conduzido os destinos do MPLA e da nação angolana.

 

PortalMPLA/OVH

 

Veja todas as notícias