SUZANA DE MELO: “Um líder aberto para todos”

Dirigente espera que Angola recorde o Camarada José Eduardo dos Santos como um timoneiro que uniu os cidadãos.

 

PortalMPLA, 23 AGOSTO 18 (5ª FEIRA) – “O Camarada Presidente José Eduardo dos Santos teve uma soberania íntegra, onde atravessamos, praticamente, muitas vicissitudes, as guerras que nos foram impostas, as invasões sul-africanas ao nosso País, nos momentos em que as bombas rebentavam sobre nossas províncias.

Eu vivia no Huambo, no período difícil. Hoje vivemos um momento de paz e de harmonia. Convivemos com aqueles que fizeram a guerra, que nos fizeram ser deslocados, enfim.

Acho que não é qualquer pessoa que tem um sentimento humanista como o Camarada Presidente Camarada Presidente José Eduardo dos Santos. Hoje, somos um país multipartidário.

Espero que Angola recorde o Camarada José Eduardo dos Santos como um grande estadista, um líder aberto para todos, que uniu os cidadãos. Devemos sentir-nos orgulhosos. O dito “um só povo, uma só Nação”, legado do saudoso Presidente Agostinho Neto, foi bem seguido.

Como angolana, querendo ser correcta, penso que não há palavras que possam esgrimir ou agradecer aquilo que o Presidente José Eduardo dos Santos fez por Angola”.

/JA/AB

Veja todas as notícias